“Você é linda! Acredite”, “Os melhores momentos da sua vida estão por vir” e “Seja o arco-íris na vida de alguém”. Essas são algumas das frases motivacionais espalhadas no banheiro de uma escola pública de Palmas por duas estudantes. A atitude simples tem ajudado muitas adolescentes e feito a diferença no ambiente escolar.

A ideia surgiu justamente após uma das meninas entrar no banheiro feminino do Centro de Ensino Médio Castro Alves, na região norte de Palmas, e encontrar uma frase desagradável.

“Eu fui ao banheiro e vi algumas frases negativas difamando as meninas. Aquilo fez eu me sentir muito mal, mas ao lado tinha uma frase positiva falando:’calma que vai dar tudo certo’. Aquilo fez eu me sentir bem. Aí pensei: porque não ajudar outras meninas? Porque não fazer elas se sentirem como eu me senti naquele momento?”, explicou Sara Nascimento de 17 anos.

As frases motivacionais ficam coladas nas paredes e portas de cada banheiro. “Muda meu dia. Eu leio essas mensagens positivas, não só eu, mas outras meninas. Pode mudar a vida e o dia de cada pessoa”, disse Simone Eduarda, de 15 anos.

“Isso ajuda demais as pessoas. A gente entre e vê aquelas frase, palavras de motivação e fica muito feliz em saber que a escola está ajudando”, afirma Aline Soares, de 16 anos.

As estudantes também abriram um espaço para as colegas desabafarem sem precisarem se expor.

“A gente teve a ideia de colocar uma folha em branco para elas desabafarem. Aí tem o Instagram caso precisem de ajuda pessoal e o nosso telefone. Depois a gente começa responder esses desabafos com palavras amigas, nosso apoio e opinião”, afirmou a Maria Tereza da Costa, de 17 anos.

A ideia também tem dado muito certo. “Guardar para si é pior. Porque fica na cabeça e vem coisa ruim para se fazer. Acho que desabafar é melhor pra pessoa”, disse uma das estudantes que aderiu à ideia de desabafar.

A neuropsicopedagoga Leila Maria de Jesus explica que as emoções contribuem diretamente no sucesso de todas as esferas da vida. Na adolescência, a importância do equilíbrio emocional é ainda maior e esse tipo de atitude pode fazer a diferença. “Isso não é só na escola, não apenas no banheiro da escola. No ambiente da casa, da família, da escola, no trabalho, em qualquer lugar que o ser humano estiver.”

A direção da escola apoiou o projeto e a ideia dos estudantes é expandir para o banheiro masculino e para os corredores. “A gente vem conversando, desde a criação do projeto, para implementar no banheiro masculino. É uma possibilidade, não só na nossa escola, mas para quem estiver assistindo fazer na sua escola porque vai dar muito certo”, disse Bruno Silva, de 17 anos.

(Portal G1, 21/05/2019)

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support