Competição acontecerá nos dias 22 a 26 de outubro, no Rio Grande do Sul

Depois de duas equipes de São Gonçalo (RJ) conseguirem classificação e medalhas na fase regional da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR), agora é a vez de Niterói (RJ) mostrar seu talento com a tecnologia. A JB Origens, equipe de robótica da Escola Municipal João Brazil, localizada no Morro do Castro, conseguiu recentemente, em Petrópolis, a medalha de ouro e a classificação para a etapa nacional da OBR, que vai acontecer no Rio Grande do Sul, nos dias 22 a 26 de outubro.

Depois de uma acirrada competição em Petrópolis, disputando com equipes já experientes na área e com recursos muito mais abundantes que sua equipe, o professor e treinador da JB Origens, Carlos Henrique Jorge, demonstrou enorme satisfação com o resultados, apesar de todas as adversidades que passaram antes de chegar à fase regional, incluindo treinamentos durante conflitos na comunidade.

“O feito desses estudantes só provam que é possível ofertar um ensino de excelência com resultados expressivos em um curto espaço de tempo. É necessário investir em ciência e tecnologia oportunizando aos nossos alunos o devido preparo para um real exercício da cidadania e acesso as novas tecnologias da informação e comunicação. Ao aplicar recursos, ao investir na educação básica, estamos tirando de uma possível marginalidade esses jovens que – estando numa comunidade – tem poucas perspectivas de um futuro melhor.”, disse o professor.

No ano passado, além da medalha de prata na competição regional em Niterói, a equipe conseguiu a classificação para o Torneio Juvenil de Robótica, em João Pessoa, na Paraíba, mas não conseguiu participar por conta dos custos da viagem. Porém, dessa vez, os alunos estão se esforçando para não perder essa oportunidade.

Ao sair da escola ontem, vi a equipe de robótica passando rifa na comunidade, justamente para arrecadar fundos para a viagem. Isso mostra o quanto eles estão focados e empenhados em busca de um só objetivo: “Mostrar que o morro também sabe fazer robôs”, completou Carlos.

Além disso, a JB Origens criou uma vaquinha online para a arrecadar dinheiro para os custos da viagem, alimentação e transporte. Com mais de 40% da quantia já arrecadada, os alunos continuam batalhando para conseguir o dinheiro necessário. Os interessados em doar alguma quantia podem fazê-lo pelo link: encurtador.com.br/eEFR6

Caso a equipe consiga a classificação no Rio Grande do Sul, os alunos estarão classificados para a Robocop Jr, fase internacional da competição. Independente do resultado, o treinador já está feliz em mostrar o poder do ensino público de qualidade.

“Essa conquista mostra que a nossa escola é pública e de qualidade. Ao contrário do que muitos pensam, temos excelentes profissionais, todos empenhados numa mesma causa: dar oportunidade aos nosso alunos – mesmo de comunidade – para que eles possam desenvolver suas habilidade e competências para concorrer em igualdade de condições com quaisquer estudantes de outras instituições, seja pública ou privada.”, finalizou o treinador.

(O São Gonçalo, Daniel Magalhães, 14/10/2019)

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support